terça-feira, 29 de abril de 2014

Totalmente Panisga / Totalmente Awesome

Foi um acidente.
Um acidente totalmente panisga.
Fecho a porta de casa todo pimpão para uma corrida e no elevador, ao controlar a minha sexyness no espelho apercebo-me que estou de camisola e ténis a condizer...

 

Homem que é homem macho não vai correr a fazer pandã.

(Yep, todas as desculpas são boas e válidas para usar a palavra pandã...)

Na primeira volta do meu circuito de corrida, numa passadeira onde é recorrente encontrar o focinho de um carro mal estacionado, deparo-me com um Mercedes branco estacionado por completo em cima dela. Não era um terço do carro, não eram dois terços, era o carro completo, por inteiro.
Na segunda volta...
Generosos deuses... Não mereço...
Um outro carro estacionou no limite da mesma passadeira, ficando o carro branco a bloquear totalmente o atravessamento pedonal  na direcção para a qual o vosso André vai a galope.
Rua cheia de gente, hora de imenso trafego, tenho plateia.
Acelero, acelero e vai acontecer.
Um pé, outro, empurro o peso do meu corpo para o ar e aterro sobre o capot sem perder velocidade,
Um pé, outro, salto para o passeio e continuo com um sorriso.

Eu ontem fiz três vezes o percurso.

(salta pequeno André!, salta!)

E o André, novamente saltou.












Nenhum comentário: