quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Desagradável

Já era tarde, muito quando a porta se abriu.
Tinha quatro pisos à sua frente para subir, parou no segundo andar.
Um suave travo a tabaco primeiro levou-o a parar, ficando como que à escuta, à espera de qualquer coisa.
De tabaco, o cheiro adensou-se, adoçou-se e sorriu.
Tinha tido a certeza que se aguardasse ia encontrar uma memória na mistura de cigarro e madeira velha, uma memória de alguém que até ser certeza se bifurcou, qual das duas pessoas lhe dera a conhecer aquele cheiro anos atrás? e ele na dúvida para onde ia cair a recordação que se aproximava parado no meio das casas até ouvir lá em cima a porta onde o aguardavam a abrir.
Retomou a subida, sem dúvidas sobre quem era o cheiro.
Chegou ao penúltimo lance de escadas, virou e viu-a.
Esperava-o à porta, dedos pelos cabelos e acenou-lhe enquanto ele vencia os últimos degraus.
Entrou-lhe casa adentro sem um beijo, o que a indignou.
-Nem boa noite?
-Nada, dá-me um minuto...
-Não, besta, estúpido, eu fiz-te o jantar e...
Virou-se para ela, avançou. Segurou-a pela cintura, levantou-a.
Encaixou-se nele, embrulhando-o com as pernas devagar... deixando o corpo dele subir-lhe a saia.
Devagar, aproximou-se da mesa com ela ao colo, depositando nesta, suave, delicado, o peso dela sem perder distância ou deixar fugir o rosto do seu.
Abriu um botão da camisa dela, abriu-lhe dois botões.
- Boa noite- beijou-a
- Olá! como vai você? tudo bem consigo?- beijou-o
- Cá estamos, olhe, havemos de repetir isto mais vezes...
- Ainda nem te toquei...
 Abriu-lhe outro botão, e outro.
- Se for eu conta?
- Não sei ao que te referes... ainda não vi nada...
Puxou-lhe a camisa para fora da saia, abriu-lhe os botões em falta.
- E fui-me eu arranjar enquanto não chegavas para não perder tempo...
- Lamento, tudo tem o seu preço... e eu não te deixo ir embora assim sem mais nem menos...
- É uma maçada, vamos chegar atrasados...
Puxou-lhe o cinto das calças, apertou-o contra si.
- Realmente, muito desagradável.




2 comentários:

Ulisses L disse...

...realmente, não é de bom tom chegar atrasado...

:)

Hathor disse...

hot hot baby....
Like it.
Uma boa maneira de eu começar o dia :) thanks