sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Quando eu no passado me salvei no presente.

Antes de mais quero que fique bem claro que isso de eu ter afectos e sentimentos sem serem futebolísticos ou relacionados com animais é um mito, um rumor falso que se criou, mentes invejosas que não têm nada mais para fazer senão a calunia, a mentira, a tentativa de sujar um bom (mais o inverso) nome que demorou anos, décadas a construir.


Sinceramente, do fundo do coração - no homo!

André.

-

Procurava no telemóvel um vídeo da Buca- a cadela sharpei que está de férias- que a Sra. Dona minha Mãe queria que lhe enviasse.
Nesse vídeo em questão, a enrugada criatura- é um Sharpei, e eu fiz a piada das rugas... que original - tinha um ataque de histerismo que dura os 2 minutos do filme só porque lhe insinuei que ela ia à rua.
O vídeo é fofo, é giro, mas quando o procurava deparo-me pelo meio de uns vídeos que reconheci serem os da festa da vitória do Porto na liga Europa com um vídeo que não fazia a menor ideia do que seria.

Cometo o erro de curioso ver o video.

A primeira coisa que vejo é o ecrã escuro.
Ainda com o ecrã escuro reconheço-lhe a voz, o ligeiro sotaque.
Fico aterrado.
Não esperava e por mais ninja que seja, que tenha tudo ok e organizado, não estava preparado para ouvir a voz da Sofia, não naquele momento, com a guarda tão em baixo.
Fui esmagado, confesso. Vejo o rosto dela desenhar-se no ecrã, o nariz, o cabelo despenteado, vejo-a sorrir e oiço-a refilar e recordo-me da cena, do momento no quarto dela em coimbra quando alguém- não vou dizer nomes mas não foi ela, e não me vou acusar a mim mesmo mas... foi um dos dois- deu cabo do encaixe da fita do estore na parede.
Durante 10 segundos estou a pique emocionalmente, estou aos rebolões em memórias e vazios que ficaram numa poeira que pensei já tivesse mais do que assente ao meu redor.
Sinto-me prestes a cometer um erro, quebrar uma promessa e fazer algo que me prometera não fazer...
Arranjo e invento desculpas para quebrar a promessa quando a oiço dizer -  "está arruinado! está tudo torcido e amolgado, isto... isto não consegue entrar ali!"

Segundos depois oiço-me dizer- Ah... isso foi o que ela disse!!!!

Eu no presente, ao vivo.
Eu no passado, no video...

Rimos alarvamente como o animalzinho retardado que somos.

Digo para mim mesmo em voz alta- Que Deus!!!

E guardei o telemóvel com um sorriso.






Já agora... com um beijo, para ti Sofia.

5 comentários:

Susi disse...

Oh foi giro ;)

André disse...

Sinceramente? eu queria mesmo era uma desculpa para relacionar a minha pessoa com o canideo da foto...

Simplesmente fabuloso!

Susi disse...

Foi giro sim. E a foto é um máximo :P

Pusinko disse...

:)

Já tive de te adicionar na lsita de blogs porque andas mais pelo blog e assim posso estar mais actualizada com os teus posts que, normalmente me fazem partir a rir xD

E amanhã o nosso PORTO!!!!!!!
Tinha de falar de futebol, só um bcoadinho!

André disse...

Oh meu deus... Pusinko.. tu és do porto????

Preferes pelo civil ou pela igreja???